Usando Indicadores com o BSC – Balanced Scorecard

bsc

Cada vez mais as empresas possuem mais desafios, mais áreas de atuação, mais métricas a acompanhar. Nesse universo de cada vez maior complexidade, surgiu a necessidade de se criar uma ferramenta de gestão que ajudasse os administradores, desta forma, Robert Kaplan, Professor da Harvard Business School, criou o BSC ( Balanced Scorecard ), cujo propósito, nas palavras de Robert, é “traduzir a missão e a estratégia das empresas em um conjunto abrangente de medidas de desempenho que serve de base para um sistema de medição e gestão estratégica”.

Devo adotar o BSC – Balanced Scorecard ?

Muitas empresas por todo o mundo tem adotado o BSC em sua gestão. Só para ter uma ideia de sua abrangência e sucesso, mais de 40% das empresas que compõem o Fortune 100 já utilizam o Balanced Scorecard como ferramenta de gestão estratégica e melhoria do desempenho. Os resultados observados são entusiásticos: maior lucratividade, crescimento no market share (participação no mercado), aumento de faturamento, fidelização de clientes, retenção do capital humano, entre outros , foram atribuídos ao acompanhamento possibilitado pelo BSC por essas empresas.

Desta maneira, se você quer uma ferramenta fácil de implementar, quer ter na mão a qualquer hora indicadores que resumem sua empresa, facilitando a gestão e indicando o melhor caminho para investir esforços para melhorar a sua empresa em todos os principais quesitos, você deve pelo menos experimentar o BSC por um tempo e realizar a sua análise própria!

Os Pilares do BSC – Balanced Scorecard

São quatro os grandes pilares que o BSC se baseia, confira:

  • Financeiro: Para que a empresa seja considerada saudável financeiramente, há vários indicadores que são analisados pelos especialistas financeiros, com o BSC, você tem facilmente em mãos esses indicadores para acompanhamento e análise
  • Cliente: Quais são os indicadores que podem dar à empresa, a certeza de que ela está sendo vista e reconhecida pelos clientes, da maneira correta, assim como ela planejou.
  • Processos Internos: Em quais processos devemos alcançar excelência para satisfazer nossos investidores e clientes? Em quais precisamos realizar correções? Em quais processos precisamos realizar maiores investimentos?
  • Aprendizado & Crescimento: Para alcançarmos os nossos objetivos propostos, como iremos aumentar nossa capacidade de mudar e melhorar? Como e onde iremos inovar?

BSC na prática

O BSC está aí para ser utilizado pelos administradores que precisam gerir seus negócios de maneira mais eficiente, e para trazer melhores resultados às organizações, trazendo praticidade para um mundo corporativo cada vez mais complexo.

 Confira os principais indicadores utilizados para a criação do BSC – Scorecard :

Dimensão Financeira:

  • Rentabilidade sobre o patrimônio líquido
  • Valor econômico agregado
  • Liquidez corrente
  • Crescimento da receita
  • Margem bruta
  • Geração de caixa
  • Vendas

Mercado e Clientes:

  • Participação no mercado
  • Imagem
  • Conhecimento
  • Fidelidade
  • Insatisfação
  • Satisfação
  • Reclamações dos clientes
  • Relacionamento

Gestão de Processos:

  • Conformidade do produto em relação ao padrão
  • Conformidade do serviço em relação ao padrão
  • Produtividade
  • Eficiência operacional
  • Conformidade do processo crítico
  • Variabilidade do processo crítico
  • Flexibilidade
  • Desperdício
  • Qualidade do planejamento
  • Qualidade resultante do processo crítico de apoio
  • Eficácia do Sistema de Qualidade

Aquisição e Fornecedores:

  • Qualidade dos produtos e serviços críticos fornecidos
  • Produtividade de Aquisição
  • Eficácia da garantia da qualidade
  • Relacionamento

Ambiente Organizacional:

  • Satisfação com a liderança
  • Implementação estratégica
  • Capital intelectual
  • Habilidade dos líderes
  • Qualidade do sistema de informações
  • Acesso às informações corporativas

Pessoas

  • Retenção de pessoas-chave
  • Conhecimento / Habilidade
  • Satisfação
  • Comprometimento
  • Competência
  • Poder
  • Melhoria contínuae produtividade
  • Eficácia do treinamento
  • Volume de treinamento
  • Avanço na carreira
  • Equidade de remuneração
  • Bem-estar
  • Reconhecimento
  • Segurança
  • Participação

Inovação

  • Tempo para recuperar o investimento
  • Receita de novos produtos
  • Conformidade de projeto
  • Geração de ideias
  • Aceitação de novos produtos

Responsabilidade Pública

  • Conformidade social
  • Imagem pública
  • Conformidade ambiental
  • Custo ambiental
  • Investimento em responsabilidade social
  • Divulgação
  • Risco ambiental
  • Passivo ambiental

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *